Edi Carlos Iacida, responsável pelos testes de coronavírus em Tupã, explica como funciona a detecção

Laboratório Municipal realiza 3 tipos de testes para detectar Coronavírus

Testes são aplicados somente nos casos apontados clinicamente como suspeitos da doença

Para a organização de casos suspeitos do novo Coronavírus em Tupã, a Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, tem realizado testes para a detecção ou descarte de novos suspeitos da doença. Para isso, o Sistema Municipal de Saúde mantém três formas de testes para atender somente os casos apontados por acompanhamento médico.   

Segundo informações do Laboratório Municipal de Análises Clínicas, o Governo do Estado enviou ao município algumas unidades de testes rápidos para a detecção da presença do vírus no corpo do paciente. Os testes, que apontam o resultado dentro de 15 a 30 minutos, têm por objetivo isolar com mais agilidade o caso, na hipótese de ser positivo, e impedir a propagação do vírus.

O responsável pelos testes no município, Edi Carlos Iacida, contou que o teste rápido consegue apontar a avaliação do estado imunológico de pacientes que apresentem sintomas da Covid-19, e deve ser apenas efetuado após critérios que devem ser seguidos pelas equipes da Saúde.

“Quando a pessoa entra em contato com o vírus, o organismo inicia a produção de anticorpos como um mecanismo de defesa. Porém, para que o sistema imunológico do paciente comece a responder, é preciso aguardar alguns dias até que a quantidade desses anticorpos seja detectável em um teste. Desta maneira, nem sempre este teste é o ideal, dependendo também do quadro clínico da suspeita”, contou.

Edi também explicou que o outro teste, realizado desde o início dos casos no município, é o RT-PCR, no qual é feita a coleta de material da parte interna do nariz e da boca com cotonete estéril e enviado ao Instituto Adolfo Lutz.

“Priorizamos este teste aos pacientes que apresentam um quadro de sintomas mais fortes da doença, como falta de ar. Este teste costuma demorar mais tempo para constatar a presença do vírus, devido ao processo na qual ele passa em laboratório”, explicou.

Já o secretário municipal de Saúde, Dr. Miguel Ângelo de Marchi, ressaltou que ambos os testes serão realizados apenas em pacientes que forem diagnosticados clinicamente com a suspeita de Coronavírus.

“É importante ressaltar que os testes não estão disponíveis a toda a população, pois ainda não é viável realizarmos os testes em massa. Apenas os casos que forem apontados a partir de critérios rigorosos e com apresentação de sintomas permanentes relacionados ao COVID-19 serão testados”, esclareceu.

O prefeito Caio Aoqui também informou que recentemente a Prefeitura adquiriu testes sorológicos, que serão aplicados nos profissionais da Saúde, pois constantemente são expostos diretamente ao novo Coronavírus.

“É de extrema importância que todos estejam protegidos contra o novo vírus. Porém, a preservação da saúde de profissionais que trabalham na linha de frente é ainda mais indispensável. É preciso garantir que eles estejam protegidos para assegurar a continuidade dos cuidados prestados à população”, concluiu.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no print
Imprimir

Sobre o autor

Equipe Tupãense Notícias

Equipe Tupãense Notícias

O portal Tupãense reúne os melhores produtores de conteúdo da região para fornecer a você notícias de alta qualidade.

Mais notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Proibida a reprodução total ou parcial.Para licenciar este conteúdo e reproduzi-lo entre em contato com nossa equipe comercial.