Polícia Rodoviária apreende doze pacotes de “skunk” na região

A Polícia Militar Rodoviária realizou na manhã de hoje (28), na rodovia Raposo Tavares em Assis, a apreensão de doze pacotes de maconha, tipo “skunk”, dentro de uma bolsa de um passageiro de ônibus, que fazia o itinerário Ponta Porã/MS X São Paulo/SP.

Segundo os policiais, o ônibus era ocupado por 13 passageiros e em vistoria localizaram sobre a poltrona 15 onde estava sentado M. R. L., de 33 anos, uma bolsa de cor marrom com 12 pacotes da droga embalados a vácuo.

foto divulgação Polícia Rodoviária

Sobre o “skunk”

Skunk é uma espécie de cannabis sativa modificada em laboratório e cultivada de maneira diferente e tem seu princípio ativo concentrado.

Usualmente a concentração de THC na maconha é de 2% a 4%, no skunk essa concentração é de aproximadamente 15% podendo chegar a 30%.

O skunk produz os mesmos efeitos das espécies naturais, porém com maior intensidade (maior capacidade entorpecente).

Por esse motivo o seu preço é bastante elevado.

Neurotransmissores, como a serotonina e a dopamina são afetados, proporcionando alterações motoras e de memória. O componente ativo em ambos os casos é o mesmo, ou seja, o delta-9 tetra-hidro-canabinol (THC).

A sua utilização faz com que o indivíduo tenha dificuldades de concentração, provoca danos aos neurônios, lapsos de memória e afeta coordenação motora.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no print
Imprimir

Sobre o autor

Equipe Tupãense Notícias

Equipe Tupãense Notícias

O portal Tupãense reúne os melhores produtores de conteúdo da região para fornecer a você notícias de alta qualidade.

Mais notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Proibida a reprodução total ou parcial. Para licenciar este conteúdo e reproduzi-lo entre em contato com nossa equipe comercial.