Tupãense vibra com o top 3 em concurso de Fisiculturismo

Em sua primeira competição, Tiana Gomes, 55, enfrentou as adversidades e tornou real o seu sonho de ser fisiculturista

A Tupãense, Tiana Gomes, que tem 55 anos, participou pela primeira vez de uma competição de fisiculturismo e conquistou o terceiro lugar. A colocação foi conquistada no evento “Bikini Fitness”, no final do ano passado.

Tiana tem vibrado muito com a conquista e vive um momento feliz em sua carreira profissional. Ela destaca que o sonho em ser fisiculturista é desde a sua juventude. “Quando eu era jovem, sonhava em ser fisiculturista, mas não consegui naquele momento por falta de informações”.

Em sua última postagem na rede social, relembrando a conquista com seus seguidores, ela afirmou “que um dia escutou que estava velha demais para ser uma fisiculturista, mas que não permitiu que ninguém roubasse o seu sonho.”

Muito além do físico, um sonho

A fisiculturista, que é mãe de 3 filhos, avó de 5 netos e agora Bisavó, relatou que sempre foi constante com os treinos, mesmo quando não foi possível realizar o sonho. “Eu sempre treinei e me cuidei, mas tive que passar por uma cirurgia e fiquei três anos parada”, disse.

Persistente e perseverante, a Tupãense sempre manteve seu sonho acesso, e, chegado um determinado tempo, ela conta que procurou um treinador especializado em crossfit.

“Procurei meu amigo, Alessandro Souza, e comecei com a prática do crossfit, gostava muito, mas comecei perder muito peso e, desse modo, procurei também um nutricionista, o Edmir Pereira, para uma preparação mais específica tendo em vista os concursos de fisiculturismo”.

Após uma bateria de exames e muita preparação, Tiana viu seu corpo preparado para marcar presença em uma competição. “O nutricionista disse que meu corpo estava pronto para o fisiculturismo, e me perguntou se eu gostaria de participar de competições, eu disse que sim. O meu sonho se tornava uma realidade”, destacou.

Ela explicou ainda que foram três meses treinando para o concurso que rendeu o top3 para sua história. “Só tenho que agradecer a Deus por me dar condições e aos parceiros para chegar onde cheguei. Essa é a minha história; a história de uma mulher que enfrenta as adversidades, pois sem sonho a vida perde o sentido”, finalizou.

Tiana é mais um exemplo de perseverança e garra no esporte, de quem acredita e corre atrás.

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email
Imprimir

Sobre o autor

Equipe Tupãense Notícias

Equipe Tupãense Notícias

O portal Tupãense reúne os melhores produtores de conteúdo da região para fornecer a você notícias de alta qualidade.

Mais notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Proibida a reprodução total ou parcial.Para licenciar este conteúdo e reproduzi-lo entre em contato com nossa equipe comercial.