Tupã intensifica trabalhos de combate a dengue com aproximação do verão

Departamento de Entomologia e Endemias realizou Avaliação de Densidade Larvária no município

Em outubro, por determinação do Ministério da Saúde, o Departamento de Entomologia e Endemias realizou a Avaliação de Densidade Larvária para saber quais são os bairros com maior índice de infestação antes da chegada do período de chuvas e do verão. Após isso, para eliminar todos os possíveis criadouros para o mosquito Aedes aegypti, o Departamento iniciou os trabalhos de intensificação nos bairros que apontaram altos índices de infestação.

Segundo informações da Secretaria Municipal de Saúde, a tabela de risco entomológico aponta que índices de até 1 são considerados satisfatórios; de 1 à 3,9 alerta; e acima de 3,9 risco. A avaliação em Tupã apontou índice de 2,4, deixando o município em alerta para a possibilidade de aumento de infestação.

O diretor do Departamento de Entomologia e Endemias, Marco Antônio de Barros, contou que as equipes realizaram os trabalhos de intensificação no bairro Jardim América, com índice de 2,8 e no Jardim Guanabara, com 1,8.

“Além da avaliação realizada em Tupã, também foram realizadas visitas nos distritos, sendo que Parnaso teve índice de 2,64, Universo 4,56 e Varpa 4,46, sendo os dois últimos com resultados de risco. É importante ressaltar que o aumento da infestação com a proximidade dos tempos mais chuvosos é comum, mas com as equipes preparadas adequadamente não deixaremos que os índices e os casos aumentem”, disse.

Dr. Miguel Ângelo de Marchi, secretário municipal de Saúde, acrescentou que além dos serviços de intensificação após os apontamentos da avaliação, os agentes já realizam outros trabalhos para evitar novas infestações.

“O trabalho de eficiência dos agentes pode ser notado na redução dos casos de janeiro a outubro deste ano em comparação com o mesmo período de 2020. A redução aponta 73,14%, faltando apenas 2 meses para finalizarmos o ano”, apontou.

O vice-prefeito Renan Pontelli ainda ressaltou que a colaboração da população é muito importante neste momento. “Além de todos os trabalhos cotidianos realizados pelos agentes do Departamento e agentes comunitários, precisamos cuidar dos nossos quintais e não deixar o ambiente propício para criadouros do mosquito. Pedimos para que todos sigam as orientações passadas pelos agentes durante as visitas e não deixem que novos casos da doença apareçam”, pediu.

O prefeito Caio Aoqui reforçou o pedido e acrescentou que o cenário da dengue em Tupã está controlado e que permanecerá assim com a colaboração de todos.

“Precisamos nos unir e fazer o trabalho de cada agente valer a pena. Podemos evitar o aparecimento de novas infestações com pequenos cuidados dentro de nossos quintais, como não deixar pelo quintal materiais que possam acumular água, colocar areia nos vasinhos de plantas ou abrir buracos na parte debaixo dos pratinhos para que a água possa escorrer, virar as bocas de garrafas para baixo, entre outra ações simples e que podem ser realizadas por todos”, disse.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no print
Imprimir

Sobre o autor

Equipe Tupãense Notícias

Equipe Tupãense Notícias

O portal Tupãense reúne os melhores produtores de conteúdo da região para fornecer a você notícias de alta qualidade.

Mais notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Proibida a reprodução total ou parcial. Para licenciar este conteúdo e reproduzi-lo entre em contato com nossa equipe comercial.