Cinco homens foram presos em Tupã na mesma semana, após descumprirem medida protetiva

A Prefeitura da Estância Turística de Tupã aderiu oficialmente as conscientizações da “Campanha Agosto Lilás”, criada em razão da Lei Maria da Penha, sancionada em 7 de agosto de 2006, para combater e inibir os casos de violência doméstica no Brasil.

São  15 anos da Lei Maria da Penha 11.340/06, que é considerada legislação de referência em todo o mundo no combate a esse tipo de violência. O nosso país foi o 18º da América Latina a adotar uma legislação para punir agressores de mulheres.

E na tarde de ontem (28), a Delegada de Polícia da Mulher Dra Cristiane Braga, participou de uma roda de conversa e falou sobre o aumento absurdo de casos de violência doméstica:

“Todas as mulheres se puxarem em suas memórias tem alguma lembrança de violência doméstica, eu tenho, minha colega tem e minha vizinha tem, as vezes nós sofremos e não percebemos que aquilo está acontecendo com a gente, é importante sempre lembrarmos que somos senhoras de direitos, e deveres também, mas devemos exigir a igualdade, um tratamento justo”, disse.

De acordo com a Delegada, Tupã é uma cidade privilegiada, e conta um uma estrutura relevante de apoio à mulher, “Temos eventos de conscientização, uma polícia ativa e atenta a qualquer indício de violência, estrutura psicológica, social e conselho tutelar, para uma segurança maior da denunciante”.

Um número chamou atenção durante a roda de conversa, segundo a Delegada cinco homens foram presos na última semana na cidade por crimes relacionados à violência doméstica.

“Tivemos várias prisões por lesão corporal e descumprimento de Medida Protetiva, todas detenções o juiz manteve e converteu em prisão preventiva, após a audiência de custódia. A partir do momento que é registrado o Boletim de Ocorrência a mulher terá uma resposta, então é preciso que as vítimas denunciem, se não houver o primeiro passo a tendência é da violência progredir, podendo chegar até um feminicídio”, esclareceu Dra Cristiane.

“A lei existe e é eficaz, as pessoas precisam entender que em qualquer ato de violência vai haver repressão, e ela será a prisão”.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no print
Imprimir

Sobre o autor

Equipe Tupãense Notícias

Equipe Tupãense Notícias

O portal Tupãense reúne os melhores produtores de conteúdo da região para fornecer a você notícias de alta qualidade.

Mais notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Proibida a reprodução total ou parcial. Para licenciar este conteúdo e reproduzi-lo entre em contato com nossa equipe comercial.