Em lockdown, Araraquara tem fila de pacientes à espera de internação

Cidade do interior paulista, com ruas vazias, está com 100% de ocupação nos leitos para casos do novo coronavírus

Com recorde de confirmações de Covid-19 entre testados em um único dia desde o início da pandemia, a rede de saúde de Araraquara, no interior de São Paulo, dá sinais de colapso — pacientes em situação grave tiveram que aguardar por leitos para internação e um deles foi transferido para outro município.

Em um vídeo em uma rede social, a secretária municipal de Saúde, Eliane Honain, fez um apelo para que a população fique em casa e disse que a situação no município é crítica. 

Localizada na região central do estado e com 238,3 mil habitantes, a cidade tem 12 casos da variante brasileira detectada primeiro em Manaus.

Segundo boletim divulgado na segunda-feira, a cidade estava com uma taxa de ocupação de 100% de leitos de enfermaria (novos leitos de enfermaria foram abertos em caráter de urgência) e 100% de Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Foram 229 novos diagnósticos confirmados da doença em 24 horas. Do total de 287 testados pela prefeitura, 153 deram positivo para a doença, maior índice de confirmações (53%) desde o início da pandemia. Outros 77 casos foram diagnosticados na rede particular.

“O momento é muito sério, muito crítico, todos os 16 pacientes aqui [na UPA da Vila Xavier] não conseguem sair do oxigênio. Tem pacientes jovens”, disse.

De acordo com Eliane, a cidade bateu recorde de atendimento tanto na UPA quanto nas demais unidades de saúde que abriram com horário estendido até às 20h. Todas estavam com o que ela classificou como “demanda excessivas”.

Araraquara que soma 12.434 infectados e 153 mortes desde o início da pandemia adotou um isolamento rígido que proíbe, desde segunda (15), a circulação de pessoas pela cidade sem justificativa .

“Eu peço, quase suplico, nos auxilie, se protejam. Sem isolamento social vamos perder muitas pessoas, por isso repito, não há flexibilização de decreto. A não ser que seja para regras mais rígidas. A situação é extremamente crítica”, disse Eliane.

Fonte: G1.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no print
Imprimir

Sobre o autor

Equipe Tupãense Notícias

Equipe Tupãense Notícias

O portal Tupãense reúne os melhores produtores de conteúdo da região para fornecer a você notícias de alta qualidade.

Mais notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Proibida a reprodução total ou parcial. Para licenciar este conteúdo e reproduzi-lo entre em contato com nossa equipe comercial.