Prédio da Assistência Social de Herculândia foi furtado e Polícia Militar recuperou todos os bens

Terça-feira (2) à noite, a Polícia Militar foi solicitada para averiguar um furto realizado num polo de costura da assistência social da prefeitura de Herculândia, na Avenida Pedro Gasques Gimenes, lá encontraram uma porta arrombada e uma das janelas com o vidro quebrado.

Populares informaram que dois indivíduos bastante conhecidos dos meios policiais eram os responsáveis, ainda que eles furtaram um botijão de gás, junto com outros objetos e seguiram sentido Avenida Romualdo de Prince.

Os Policiais Militares realizaram diversos patrulhamentos pelas redondezas e não encontraram os suspeitos. Quando retornaram ao local dos fatos, se depararam com os indiciados, um maior de idade e outro menor, que voltaram para furtar mais objetos.

Os indivíduos confessaram a prática do furto e que venderam os produtos para um conhecido, bem como retornaram ao local para furtar mais objetos porque já tinham gasto todo o dinheiro. Eles levaram os Policiais até a casa do receptador, que confirmou ter adquirido os produtos, um botijão de gás cheio, um ferro de passar roupas e dois vidros de desinfetante, por R$40.

Diante dos fatos foram todos conduzidos para a CPJ de Tupã, onde a Delegada Doutora Janaina Antoniazzi Pinheiro tomou ciência, ratificando a voz de prisão em flagrante delito para os maiores, um por furto e o outro por receptação.

O menor, de 15 anos de idade, foi liberado para o Conselho Tutelar e os bens restituídos para a Prefeitura Municipal de Herculândia através de um representante legal.

Atenderam a ocorrência os Cabos Quine e Moreno, da Polícia Militar.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no print
Imprimir

Sobre o autor

Equipe Tupãense Notícias

Equipe Tupãense Notícias

O portal Tupãense reúne os melhores produtores de conteúdo da região para fornecer a você notícias de alta qualidade.

Mais notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Proibida a reprodução total ou parcial.Para licenciar este conteúdo e reproduzi-lo entre em contato com nossa equipe comercial.