Diário de Profissão: Professor de Inglês

A cada dia cresce mais a procura pelo ensino de idiomas no Brasil, principalmente o inglês. O fortalecimento do ensino de língua inglesa no nosso país e no mundo é fruto de uma imposição do mercado, o que leva jovens universitários e profissionais a buscarem escolas de idiomas, professores particulares para aulas presenciais ou via Skype, e pais a procurarem escolas de idiomas e escolas bilíngues para matricularem seus filhos. A ideia é já preparar esse indivíduo para o mercado de trabalho desde muito jovem.  Segundo o professor de inglês, Pablo Quinalia “há um crescimento acelerado no número de escolas bilíngues no mercado brasileiro para atender esse tipo de demanda”.

O profissional, graduado em Letras pela FADAP/FAP, tem mais de 20 anos de experiência no ramo, tendo em seu currículo atuação em grandes franquias como Wizard Idiomas, atuando também como tradutor freelancer e professor particular, também buscou se especializar através do curso TEFL Internacional que participou em Londres, na Inglaterra, no ano de 2018, sendo assim qualificado como professor de inglês como língua estrangeira para qualquer país do mundo, onde o idioma não seja a língua nativa.

A abordagem do ensino de língua inglesa foi mudando com o tempo, passando de um ensino puramente gramatical, no passado, para um ensino mais voltado para a comunicação, no qual o aluno esteja preparado não somente para situações do dia-a-dia, de viagens ao exterior como também para situações profissionais.

Não somente o ensino privado, mas também a escola pública investe no ensino de inglês: em algumas cidades da região, e várias do país, o idioma já faz parte da grade curricular desde a educação infantil até o ensino fundamental (de 1º ao 5º ano). A BNCC (Base Nacional Comum Curricular) traz o ensino do idioma de uma forma humanista, como língua franca, focando a parte comunicativa e cultural.

“Participando do IV EPIC – Encontro de Professores de Inglês para Crianças, na UEL – Universidade Estadual de Londrina, semana passada, constatei que existe uma inquietação enorme no meio acadêmico em relação à formação do professor de inglês para crianças, pois há uma carência muito grande desse profissional qualificado no mercado de trabalho”, afirmou o professor Pablo.

 Aprender inglês não é apenas importante para entrar no mercado de trabalho ou para ser admitido em um Mestrado, aprender inglês hoje é necessário para a vida, para se comunicar com pessoas por todo o mundo, para expandir o horizonte cultural do indivíduo.

O professor Pablo Quinalia, é professor de inglês da Prefeitura Municipal de Osvaldo Cruz, leciona no Cenaic de Osvaldo Cruz e encontra-se à disposição para discussões ou esclarecimentos sobre o tema, e mesmo para traduções e aulas particulares presenciais ou via Skype. Detalhes e contatos: Facebook: Pablo Quinalia ou Whatsapp (14) 99698-2699.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no print
Imprimir

Sobre o autor

Equipe Tupãense Notícias

Equipe Tupãense Notícias

O portal Tupãense reúne os melhores produtores de conteúdo da região para fornecer a você notícias de alta qualidade.

Mais notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Proibida a reprodução total ou parcial. Para licenciar este conteúdo e reproduzi-lo entre em contato com nossa equipe comercial.