Tupã confirma mais um caso de Sarampo e outros cinco aguardam resultado

A Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Saúde, confirmou ontem o segundo caso de sarampo em Tupã. O paciente, uma criança de 1 ano, foi submetido a vários exames, que foram encaminhados ao Instituto Adolfo Lutz de Marília.

Nesta quinta-feira (19) foi divulgada a confirmação laboratorial, apontando quadro positivo para sarampo. É o segundo caso da doença confirmado neste ano em Tupã. A Secretaria Municipal de Saúde informou também que, de acordo com protocolo estabelecido pelo Ministério da Saúde, assim que foram constatados sintomas suspeitos da doença, a Vigilância Epidemiológica, juntamente com a Atenção Básica, realizaram todas as medidas de bloqueio no prazo de 72 horas após notificação do caso.

Mais de 80 pessoas que tiveram contato com a criança foram imunizadas com a vacina tríplice viral, que além de prevenir contra o sarampo também protege contra rubéola e caxumba. A criança diagnosticada com a doença passa bem e está sendo devidamente acompanhada pelo médico da unidade de saúde onde é atendida.

Outros cinco casos suspeitos aguardam resultados. A Secretaria Municipal de Saúde informa ainda que as medidas de prevenção contra o sarampo continuam sendo intensificadas através de vacinação nas unidades de saúde para quem está em atraso e intensificação em casos de bloqueio.

De acordo com orientação do Ministério da Saúde, a tríplice viral está disponível para pessoas de 1 a 29 anos, que deverão receber duas doses da vacina. Adultos de 30 a 59 anos necessitam de apenas 1 dose. Já pessoas acima de 60 não precisam ser imunizadas.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no print
Imprimir

Sobre o autor

Equipe Tupãense Notícias

Equipe Tupãense Notícias

O portal Tupãense reúne os melhores produtores de conteúdo da região para fornecer a você notícias de alta qualidade.

Mais notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Proibida a reprodução total ou parcial. Para licenciar este conteúdo e reproduzi-lo entre em contato com nossa equipe comercial.