Polícia Civil de Bastos recupera telefone celular furtado em fevereiro

Um aparelho celular foi subtraído do interior de uma residência, no Jardim Laranjeira em Bastos, no início do mês de fevereiro deste ano e após a realização de um intenso trabalho investigativo e diversas diligências, os Investigadores de Polícia de Bastos obtiveram êxito em apreendê-lo na cidade de Rinópolis.

A vítima reconheceu R.N.P e informou que o mesmo frequentava sua casa e sabia onde ele deixava as chaves do imóvel.

R.N.P, 27 anos, lavrador, já registrava antecedentes criminais por condução de veículo automotor sob efeito de álcool e agora será processado também por furto, com pena de reclusão de 1 a 4 anos e multa.

O aparelho avaliado em R$850 reais estava em poder de F. C. C., 42 anos, trabalhador rural, que possui antecedentes criminais por uso de documento falso e agora será processado por receptação, com pena de 1 mês a 1 ano. Ele alegou ter adquirido o telefone de R.N.P.

O Delegado de Polícia de Bastos, Sandro Resina Simões destacou que as diligências foram executadas pelos Policiais Civis Nei, Nilton, Maran, Galego, Antônio, Jaqueline, Nelson, Marcos e Evandro, todos daquela Delegacia.

A Polícia Civil orienta que para não serem responsabilizados criminalmente as pessoas devem evitar adquirir qualquer bem de desconhecidos ou sem a devida nota fiscal, no caso de telefones celulares os aparelhos devem estar acompanhados  do carregador, acessórios e respectiva caixa além de possuir um número identificador, o IMEI, que pode e deve ser consultado.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no print
Imprimir

Sobre o autor

Equipe Tupãense Notícias

Equipe Tupãense Notícias

O portal Tupãense reúne os melhores produtores de conteúdo da região para fornecer a você notícias de alta qualidade.

Mais notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Proibida a reprodução total ou parcial. Para licenciar este conteúdo e reproduzi-lo entre em contato com nossa equipe comercial.