Pesquisar
Close this search box.

Quatro pessoas morrem em queda de helicóptero

Foto: redes sociais

Segundo os bombeiros, queda ocorreu às 14h45 entre as ruas Pedro Luís Alves Siqueira e James Holland, na Barra Funda. Aeronave voltava de Guarujá, no litoral paulista, para o Campo de Marte, na Zona Norte, quando sofreu uma possível pane.

Um helicóptero caiu na tarde desta sexta-feira (17) na Barra Funda, na Zona Oeste de São Paulo, e quatro pessoas morreram, de acordo com o Corpo de Bombeiros.

Segundo o major Yuri Morais, comandante do 2° Grupamento de Bombeiros, o helicóptero tinha ido para Guarujá, no litoral paulista, levar três passageiros para almoçar e, na volta, a caminho do Campo de Marte, na Zona Norte, sofreu uma possível pane e bateu em um coqueiro.

Havia quatro homens adultos (o piloto e três passageiros). Três deles foram identificados: Wellington Roberto Palhares, de 28 anos, Antonio Cano dos Santos Junior, de 42 anos, e o piloto, João Intorm Neto, de 32 anos.

Área em que helicóptero caiu na Barra Funda — Foto: Arte g1

Sergio Gegers, advogado da Helimarte, afirmou que a empresa não tem informações sobre o que provocou o acidente e que está dando suporte aos familiares das vítimas.

“A empresa está aqui com o diretor e todos os profissionais que compõem o grupo, todos treinados. Vamos aguardar o relatório do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) e das autoridades. Não temos nenhuma outra informação no momento, não sabemos o que aconteceu, não temos a causa do acidente. Estamos dando todo o suporte para as famílias das vítimas e também colaborando com as autoridades competentes. Todas as aeronaves da empresa são devidamente cadastradas, reguladas e revisadas com acompanhamento diários inclusive de órgãos estaduais.”

A queda ocorreu às 14h45, entre as ruas Padre Luís Alves Siqueira e James Holland. Nove viaturas foram encaminhadas para o local.

O helicóptero é um Robinson R44 II, prefixo PR-PGC, com capacidade para um piloto e três passageiros. Ele era operado pela Helimarte Táxi Aéreo e pela Geoflito Atividades Geoespaciais e tinha permissão para fazer táxi aéreo.

Peritos do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) foram ao local do acidente. Em nota, a Força Aérea Brasileira informou que foram acionados investigadores para realizar a ação inicial da ocorrência envolvendo a aeronave e que, nesta ação, “são utilizadas técnicas específicas, conduzidas por pessoal qualificado e credenciado que realiza a coleta e confirmação de dados, a preservação de indícios, a verificação inicial de danos causados à aeronave, ou pela aeronave, e o levantamento de outras informações necessárias ao processo de investigação”.

“O objetivo das investigações realizadas pelo CENIPA é prevenir que novos acidentes com características semelhantes ocorram. A conclusão das investigações terá o menor prazo possível, dependendo sempre da complexidade de cada ocorrência e, ainda, da necessidade de descobrir os possíveis fatores contribuintes”, finaliza o comunicado.

Fonte: G1

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email
Imprimir

Sobre o autor

Picture of Equipe Tupãense Notícias

Equipe Tupãense Notícias

O portal Tupãense reúne os melhores produtores de conteúdo da região para fornecer a você notícias de alta qualidade.

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Proibida a reprodução total ou parcial.

Para licenciar este conteúdo e reproduzi-lo
entre em contato com nossa equipe comercial.