Está proibido parar em um dos lados da rua Brasil, em Tupã

Medida foi determinada após estudos da Polícia Militar de Tupã

A Secretaria de Planejamento e Infraestrutura, por meio da Subsecretaria de Segurança e Trânsito, comunica que o estacionamento de veículos está proibido do lado esquerdo da rua Brasil, no sentido Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP-294) à rua Timborés.

A proibição passa a valer a partir de hoje, segunda-feira, dia 28 de novembro.

Estudos desenvolvidos pela Polícia Militar do município apontaram para a necessidade da medida, em razão do tráfego de veículos grandes na via e da segurança dos condutores e pedestres.

A proposta foi aceita após ser discutida no Conselho Municipal de Trânsito, com participação de representantes da Prefeitura de Tupã, da Câmara Municipal e da sociedade civil.

“São carretas bitrens e máquinas agrícolas, que precisam transportar pela avenida Brasil, pois ali é o antigo anel viário da cidade. Com a evolução do município, a via ficou estreita para o tráfego desse tipo de veículos, então, é necessário que se faça alguma coisa, sempre pensando na segurança das pessoas”, destacou o subsecretário de Trânsito, Renato Gonzales.

Além do tráfego intenso de veículos, a avenida possui uma grande circulação de pedestres em virtude da Escola Estadual Joaquim Abarca, que durante os horários de entrada e saída de alunos, aumenta o fluxo de pessoas na via.

Segundo Gonzales, a situação gera um grande transtorno e aumenta o risco de acidentes.

“Nós pedimos a compreensão da população de Tupã, isso não foi feito de maneira aleatória, foi feito um estudo pela Polícia Militar, que levou cerca de um ano para que pudesse ser concluído, tudo isso visando a segurança do pedestre e também do condutor”, afirmou o subsecretário.  

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email
Imprimir

Sobre o autor

Equipe Tupãense Notícias

Equipe Tupãense Notícias

O portal Tupãense reúne os melhores produtores de conteúdo da região para fornecer a você notícias de alta qualidade.

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Proibida a reprodução total ou parcial.

Para licenciar este conteúdo e reproduzi-lo
entre em contato com nossa equipe comercial.