Projeto nutricional para crianças tupãenses é publicado no Reino Unido

Grupo The Economist apresenta iniciativas premiadas em competição internacional

O aplicativo Brasil 2030 da equipe Tupã Fit, que está desenvolvendo o projeto “Tupã 2030: Programa de Promoção Integral e Sustentável da Saúde e Bem-Estar da Criança e do Adolescente” com a Secretaria Municipal de Educação, teve seus resultados divulgados na Economist Impact, empresa do grupo de comunicação e mídia The Economist, do Reino Unido.

A publicação (https://impact.economist.com/projects/datatosolutions/) é uma parceria entre a Economist Impact e a SAS, desenvolvedora de softwares para análises de negócios e serviços. O objetivo é a promoção de iniciativas geradoras de mudanças positivas em uma comunidade, e que emergem de um hackathon ou desafio Global.

No artigo, a coordenadora do Tupã Fit, pesquisadora em saúde pública da Unesp, Maria Rita Marques de Oliveira, explica que o projeto teve sua gênese em uma parceria entre pesquisadores brasileiros e suecos, voltado à erradicação da obesidade em crianças até 2030. “O compartilhamento de informações entre o governo e as comunidades pode ajudar a reduzir a obesidade infantil”, e complementa dizendo que “essa tecnologia pode gerar dados em nível estadual para tornar as políticas públicas mais eficazes”.

De acordo com a Economist Impact, um aplicativo para smartphone foi desenvolvido em apenas 30 dias, e tem uma meta ambiciosa e ideal para o uso de informações pessoais. O sistema obtém dados demográficos, nutricionais e de exercícios disponíveis e os combina com o perfil de saúde de cada criança para orientar e oferecer sugestões para pais e outros cuidadores.

Uma das mães participantes do projeto, Mayara dos Santos, declarou ser muito intuitivo navegar no aplicativo e planejar as refeições. “Ele nos fornece recomendações para podermos preparar uma alimentação melhor para toda a família”.

Os demais projetos mencionados na matéria são de uma equipe canadense e outra camaronesa, ambas também focadas no bom uso dos dados e das ferramentas digitais para mudança social.

O secretário de Educação, professor Valdir Berti, ressaltou o orgulho pelo alcance dos resultados do estudo do Núcleo de Tecnologias Estratégicas em Saúde (Nutes); do Departamento de Computação da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB); da NK Sistema de informação em Saúde/Pompéia; do Centro de Ciência e Tecnologia em Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional (INTERSSAN/UNESP); e da Faculdade de Ciências e Engenharia da UNESP/Tupã.

“Estamos levantando com a Secretaria de Saúde e de Assistência Social famílias para participarem das próximas etapas do projeto. Em breve, a professora Maria Rita estará em Tupã para apresentar à população as próximas fases desse estudo, que já tem resultados maravilhosos, com potencial de serem ainda mais transformadoras”, comentou.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no print
Imprimir

Sobre o autor

Equipe Tupãense Notícias

Equipe Tupãense Notícias

O portal Tupãense reúne os melhores produtores de conteúdo da região para fornecer a você notícias de alta qualidade.

Mais notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Proibida a reprodução total ou parcial. Para licenciar este conteúdo e reproduzi-lo entre em contato com nossa equipe comercial.