Vacinação de pessoas de 30 a 39 anos com condições de risco será dia 7 e 8 de junho

Portadores de comorbidades ou deficiência permanente (BPC) devem comprovar patologia

A Prefeitura de Tupã vacinará, na próxima semana, pessoas de 30 a 39 anos que possuam alguma das comorbidades previstas pelo Plano Nacional de Imunizações ou portadores de deficiência permanente cadastrados no BPC (Benefício de Prestação Continuada) da mesma faixa etária.

A população apta, de 35 a 39 anos, deverá comparecer ao drive-thru da FEPASA, na segunda-feira (7), das 8h às 16h, com comprovante da condição de risco. “O relatório ou o formulário disponibilizado no site da prefeitura deve conter a assinatura e o CRM de um médico. Já os beneficiários do BPC precisam apresentar o comprovante emitido pela Assistência Social”, explicou a diretora de Departamento de Vigilância em Saúde, Joselaine Pio Rocha.

Na terça-feira (8), a primeira dose da vacina será destinada ao público-alvo de 30 a 34 anos. Além de atestar a doença crônica ou cardiovascular, é necessário levar RG e CPF. A Secretaria de Saúde ressalta também a importância de se cadastrar no Vacina Já. O pré-cadastro é simples, rápido e reduz o tempo de espera nas filas.

“É a tecnologia como uma aliada da campanha, ainda mais quando nossos vacinadores dispõem de tablets para lançamento imediato no Vacivida, sistema do governo de São Paulo que monitora o progresso da vacinação em todas as cidades”, declarou o secretário de Saúde, dr. Miguel Ângelo de Marchi.

Junto à campanha de imunização da população contra a covid-19, a Prefeitura de Tupã continua arrecadando doações para o Vacina Contra a Fome. Os grupos convocados podem deixar com as equipes da tenda um quilo de alimento não perecível. “Tudo que tem sido arrecado é destinado à Secretaria de Assistência Social, que faz a montagem das cestas básicas e a distribuição às famílias que realmente precisam”, declarou o prefeito Caio Aoqui.

Para o vice-prefeito Renan Pontelli, o controle e a administração técnica da SEMAS permitem que o município reduza significativamente a insegurança alimentar da população em situação de vulnerabilidade. “A pandemia agravou a desigualdade social, e não são poucos os casos de pessoas que precisam recorrer a esse auxílio pela primeira vez. Por isso, reforço o lema da campanha: ajudar ao próximo também é uma forma de salvar vidas”.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no print
Imprimir

Sobre o autor

Equipe Tupãense Notícias

Equipe Tupãense Notícias

O portal Tupãense reúne os melhores produtores de conteúdo da região para fornecer a você notícias de alta qualidade.

Mais notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Proibida a reprodução total ou parcial. Para licenciar este conteúdo e reproduzi-lo entre em contato com nossa equipe comercial.