Estado de SP chega a 5,8 mil pacientes internados em UTI com coronavírus

Esse é o maior número desde agosto

O número de pessoas internadas em leitos de UTI com suspeita ou confirmação de Covid-19 chegou a 5.829 no estado de São Paulo neste sábado (16), segundo os dados divulgados pela Secretaria Estadual da Saúde. O número é o maior desde o dia 08 de agosto de 2020, quando haviam 5.883 pacientes nesta situação.

Ao todo, há 13.400 pacientes com coronavírus internados em SP neste sábado, sendo 7.571 em enfermaria e 5.829 em Unidades de Terapia Intensiva (UTI).

As internações por Covid-19, considerados tantos os leitos comuns como os de terapia intensiva, têm se mantido acima de 10 mil desde o início de dezembro de 2020, o que pressiona o sistema de saúde e interfere no atendimento de outras doenças. A última vez em que o estado tinha mais de 10 mil pacientes internados havia sido em 17 de setembro.

Medidas restritivas

Devido à piora nos indicadores de saúde, o Governo de São Paulo antecipou a reclassificação do plano de flexibilização da economia e colocou 8 regiões em fases mais restritivas da quarentena nesta sexta-feira. A reclassificação não incluiu a Grande SP, mas segundo o coordenador do Centro de Contingência do Coronavírus em São Paulo, Paulo Menezes, a velocidade no aumento das internações e mortes no estado pode levar a região a ter ampliação das medidas restritivas na próxima semana.

“Nós aguentamos de duas a 4 semanas neste velocidade de aumento, por isso, esperamos que haja uma redução da velocidade de aumento em função das medidas [restritivas]. É bem possível que a Grande SP nesta semana haja mais restrições de horário de funcionamento principalmente, para tentar reduzir a velocidade da transmissão e das internações consequentes”, afirmou Menezes neste sábado (16).

Pesquisa feita pelo sindicato dos hospitais particulares de SP mostra que maioria da rede privada no estado registra aumento de internações em 2021 e 64% dos hospitais particulares do estado de SP têm mais de 80% dos leitos de Covid-19 ocupados.

Mortes e novos casos da doença

Segundo dados da Secretaria Estadual de Saúde, foram contabilizadas 285 novas mortes por coronavírus nas últimas 24 horas no estado, elevando o total desde o início da pandemia para 49.885. Já o total de casos confirmados da doença subiu para 1.619.619, considerando os 13.774 novos registros nas últimas 24 horas.

Os novos registros não significam, necessariamente, que as mortes e casos aconteceram de um dia para outro, mas, sim, que foram computados no sistema neste período. As notificações costumam ser menores aos finais de semana e feriados, quando as equipes de saúde trabalham em esquema de plantão.

Veja os novos registros no estado de SP nas últimas 24 horas:

  • 285 novas mortes
  • 13.774 novos casos

Veja o total no estado de SP desde o início da pandemia:

  • 49.885 mortes
  • 1.619.619 casos confirmados

Neste sábado, a taxa de ocupação de leitos de UTI para Covid-19 em toda rede de saúde, incluindo serviços particulares e públicos, é de 69,4% na Grande São Paulo e de 68% no estado.

Outras regiões do estado, no entanto, já registram valores acima de 80%. A região de Marília foi rebaixada para a fase vermelha do Plano São Paulo por apresentar uma ocupação de 83% na última sexta-feira.

Fonte: G1

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no print
Imprimir

Sobre o autor

Equipe Tupãense Notícias

Equipe Tupãense Notícias

O portal Tupãense reúne os melhores produtores de conteúdo da região para fornecer a você notícias de alta qualidade.

Mais notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Proibida a reprodução total ou parcial. Para licenciar este conteúdo e reproduzi-lo entre em contato com nossa equipe comercial.