Criador é multado em R$ 500,00 por manter espécime da fauna silvestre nativa

A Polícia Militar Ambiental de Tupã aplicou multa de R$ 500,00 em um morador acusado de manter espécime da fauna silvestre nativa. O caso foi registrado durante a Operação “Força Ambiental”, realizada na terça-feira (15) pela equipe do 2º sargento Santos, cabo Martiniano e soldado Torres.

Segundo informações, a Polícia Ambiental recebeu denúncia de que era mantida aves silvestres nativas em cativeiro e caça. A Polícia foi até local denunciado e constatou uma ave silvestre nativa mantida em cativeiro, estando em desacordo com a autorização obtida. Os policiais lavraram o termo de apreensão e soltura e o auto de infração ambiental no valor de R$ 500,00.

Após o registro da ocorrência, a ave foi libertada em hábitat natural, uma gaiola foi apreendida e destruída e realizado o bloqueio de cadastro junto ao IBAMA.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no print
Imprimir

Sobre o autor

Equipe Tupãense Notícias

Equipe Tupãense Notícias

O portal Tupãense reúne os melhores produtores de conteúdo da região para fornecer a você notícias de alta qualidade.

Mais notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Proibida a reprodução total ou parcial. Para licenciar este conteúdo e reproduzi-lo entre em contato com nossa equipe comercial.