Obras de macrodrenagem seguem paras as etapas finais

Nova medição foi realizada no início desta semana

Na última semana, os técnicos da Caixa Econômica Federal realizaram mais uma medição para verificar o andamento das obras de macrodrenagem no município.

De acordo com a Secretaria Municipal de Planejamento, Obras e Trânsito, foi apontado que as obras seguem para as etapas finais e logo deve ser finalizada.

Na medição do braço direito do Córrego Afonso XIII, os técnicos verificaram que já foram efetuados trabalhos no valor de R$ R$ 5.917.111,49. Já a medição do braço esquerdo, apontou que os serviços já acumulam R$ 3.266.795,97.

Desde a primeira medição até o momento, foram investidos cerca de R$ 9.183.907,46 na obra.

De acordo com informações da Pasta, os recursos provenientes da Caixa Econômica Federal só são liberados caso os trabalhos estejam ocorrendo de acordo com o projeto e com o cronograma.

Vale destacar também que à partir disso, a medição é realizada mensalmente, sendo uma importante ferramenta para monitorar o andamento do projeto, a tempo de corrigir falhas e prevenir possíveis atrasos nos serviços.

Os avanços da obra estão de acordo com os serviços da “Copel Construções Industria e Comércio de Araçatuba”, vencedora da licitação para a conclusão da obra.

Para isso, a empresa conta com duas frentes de trabalho, que fazem diversos trabalhos, como a interligação de ramais de piscinões, canalizações em aduelas, além do aterramento, plantação de grama ao longo do canal e serviços de microdrenagem.

Segundo o titular da Pasta, Valentim César Bigeschi, todos os serviços que envolvem assentamento de tubulações e ramais principais, foram finalizados na região da Vila Marajoara até a Vila Inglesa.

Já nas proximidades da rua Macus, restam apenas a construção de cerca de 8 bocas de lobo.

“Além destes serviços, também será executada uma rede de tubulações adicional nas proximidades das ruas Marília, Brasil, e Antônio Castilho. As redes de bocas de lobo se referem à microdrenagem, que se interligam aos ramais de escoamento da macrodrenagem, que são redes principais de tubos de concreto de maior dimensão”, contou.

Bigeschi ainda completou que no braço esquerdo do Córrego Afonso XIII as equipes já estão realizando o último trecho de canalização com aduelas de concreto e que desta forma, logo as obras serão concluídas.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no print
Imprimir

Sobre o autor

Equipe Tupãense Notícias

Equipe Tupãense Notícias

O portal Tupãense reúne os melhores produtores de conteúdo da região para fornecer a você notícias de alta qualidade.

Mais notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Proibida a reprodução total ou parcial. Para licenciar este conteúdo e reproduzi-lo entre em contato com nossa equipe comercial.