Projeto de lei quer tornar Tupã a “capital do lanche” do estado de São Paulo

O vereador Alexandre Scombatti em reunião com o deputado Madalena: reconhecimento ao lanche tupãense

Proposta já teve parecer favorável da Comissão de Constituição, Justiça e Redação da Assembleia Legislativa

A Comissão de Constituição, Justiça e Redação da Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) deu parecer favorável ao projeto de lei de autoria do deputado Ricardo Madalena que confere ao município de Tupã o título de “Capital do Lanche” do estado de São Paulo. A ideia foi apresentado ao parlamentar paulista pelo vereador Alexandre Scombatti, após a observação de que o padrão dos lanches tupãenses é muito superior ao servido em outras cidades.

“Muitos visitantes elogiam a qualidade e a diversidade do lanche de Tupã. Diante desta constatação e da comparação com o produto servido em outras cidades e outros estados, concluímos que nossos lanches eram realmente diferenciados e apresentamos este projeto ao deputado Ricardo Madalena. Conhecedor das tradições tupãenses, ele acatou a ideia e a apresentou à Assembleia Legislativa”, recorda Scombatti.

“A justa concessão desse título deverá ampliar a divulgação de que o produto de Tupã é diferenciado, ajudando assim a impulsionar os negócios e garantindo a criação de novos postos de trabalho, proporcionando também a evolução do turismo gastronômico no município”, defendeu o deputado Ricardo Madalena.

Segundo o vereador Alexandre Scombatti, o título pode trazer impacto positivo a um setor que movimenta significativamente a economia tupãense. “O reconhecimento da qualidade dos lanches de Tupã a nível estadual vai agregar valor a um produto que tem um peso muito grande na economia de nossa cidade”, avaliou.

“Um levantamento realizado pelos próprios empresários do setor dá conta de que, mensalmente, são vendidas entre 180 mil e 200 mil unidades, número expressivo para um município com população de cerca de 65 mil habitantes”, comparou Scombatti.

Raízes históricas

No projeto de lei 410/2019, o deputado Ricardo Madalena aponta raízes históricas para justificar a qualidade do lanche produzido em Tupã. Segundo ele, a tradição do município de Tupã na confecção e comércio de lanches diferenciados remonta da década de 1970, quando a cidade ostentava o título de “Metrópole Universitária da Alta Paulista”.

“Com o grande número de cursos de nível superior oferecidos, estudantes de toda a região e até mesmo de cantos mais remotos do país vinham a Tupã em busca de graduação. Esse contingente fez com que um grande número de lanchonetes surgisse na cidade, oferecendo refeição rápida e a preços acessíveis a este grupo. Com a concorrência acirrada, os proprietários de lanchonete se viram obrigados a criar receitas exclusivas e novos tipos de lanches, aumentando a oferta e a qualidade dos produtos, sem que isso tivesse reflexo no preço”, argumentou Madalena.

“Atualmente, existem em Tupã mais de 200 estabelecimentos especializados em preparar lanches, que geram emprego e renda para centenas de famílias. Reconhecer a qualidade deste produto a nível estadual é reconhecer e valorizar o trabalho destas pessoas”, concluiu Alexandre Scombatti, que apresentou moção de apoio à iniciativa do deputado estadual.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no print
Imprimir

Sobre o autor

Equipe Tupãense Notícias

Equipe Tupãense Notícias

O portal Tupãense reúne os melhores produtores de conteúdo da região para fornecer a você notícias de alta qualidade.

Mais notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Proibida a reprodução total ou parcial.Para licenciar este conteúdo e reproduzi-lo entre em contato com nossa equipe comercial.