Mulheres presas em Flagrante Delito pela prática de estelionato, associação criminosa, falsa identidade e uso de documento público falso

Na última quinta-feira (15), policiais civis da Delegacia de Investigações Gerais de Tupã – DIG, em atuação com a Delegacia de Polícia de Parapuã autuaram em flagrante delito duas mulheres pela prática de estelionato, associação criminosa, falsa identidade e uso de documento público falso.

As indiciadas foram surpreendidas em flagrante logo após receberem uma carga com 20 aparelhos celulares Apple, modelo Iphone Xs, avaliados em R$133.200 reais.

Os documentos e crachás falsos foram apreendidos, bem como um veículo Honda Civic, utilizado por elas.

Trata-se de uma associação criminosa especialista nesse tipo de crime, onde os criminosos realizam compras de forma fraudulenta utilizando nomes e empresas de terceiros sem o conhecimento destes.

Retirando esses produtos geralmente em frente ao endereço ou empresa da vítima. Os criminosos ainda se utilizam de uniformes, documentos falsos e crachás para dar maior credibilidade no ato e ludibriar também a transportadora.

Cabe ressaltar que outros crimes da mesma espécie, com o mesmo modus operandi foram praticados na região em um curto espaço de tempo, motivo que iniciou as investigações.

Trata-se de mais uma atuação da inteligência da Polícia Civil realizada com sucesso. Parabéns a todos os policias envolvidos.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no print
Imprimir

Sobre o autor

Equipe Tupãense Notícias

Equipe Tupãense Notícias

O portal Tupãense reúne os melhores produtores de conteúdo da região para fornecer a você notícias de alta qualidade.

Mais notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Proibida a reprodução total ou parcial. Para licenciar este conteúdo e reproduzi-lo entre em contato com nossa equipe comercial.