Agravamento no surto de Covid na Casa dos Velhos

A Prefeitura de Tupã está intensificando as ações para combater o agravamento do surto de coronavírus na Instituição Casa dos Velhos. Na semana passada, após ser informada pela direção da entidade sobre casos suspeitos de Covid entre os seus internos, a prefeitura rapidamente efetuou a transferência de 21 idosos da instituição, sendo 14 para a ala de isolamento que funciona desde o ano passado na antiga Clínica Dom Bosco e outros 7 para a Santa Casa e providenciou a sanitização do prédio.

Apesar da ação rápida, com objetivo de garantir o acompanhamento adequado aos internos e evitar a disseminação da doença, infelizmente novos casos da doença foram confirmados entre os idosos atendidos pela entidade. Segundo dados atualizados pela Secretaria da Saúde na manhã desta quinta-feira (11/02), o número de idosos notificados aumentou para 38, com 24 casos positivos. Infelizmente dois casos confirmados evoluíram para óbito. Do total de notificados, 26 idosos estão em isolamento na antiga Clínica Dom Bosco e 10 outros permanecem internados na Santa Casa, sendo 8 positivos e 2 suspeitos.

Preocupado com o aumento dos casos de Covid na Casa dos Velhos, o prefeito Caio Aoqui está publicando o decreto municipal 8.980, com medidas emergenciais adicionais contra o agravamento do surto da doença na instituição. “Com a constatação do aumento de casos confirmados na entidade, a prefeitura vai adotar novas medidas preventivas junto à Casa dos Velhos com objetivo de preservar vidas e evitar novas mortes, a exemplo da tragédia que acometeu o asilo Casa Emanuel”, afirmou.

Caio explicou que o aumento da incidência da doença impossibilita o acolhimento de mais idosos na antiga Clínica Dom Bosco, exigindo o remanejamento interno no próprio local do surto. “Como a unidade de atendimento que criamos na antiga Clínica Dom Bosco já atingiu sua capacidade máxima, vamos ter que criar uma ala de isolamento na própria instituição”, explicou.

 Segundo o chefe do Executivo, com o decreto, as secretarias municipais de Administração e de Saúde, ficam autorizadas a tomar as providências necessárias para atendimento dos idosos atendidos pela entidade que não foram transferidos, incluindo o remanejamento interno de pacientes, execução das obras de adequação necessárias no prédio da entidade, além da intervenção de pessoal habilitado e suprimento de insumos indispensáveis. Devido à urgência e por se tratar de medidas emergenciais de saúde pública, a prefeitura também poderá agilizar a execução das ações necessárias, sem cumprir os trâmites burocráticos, o que retardaria a atuação do poder público, colocando em risco a vida e a saúde dos internos.  

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no print
Imprimir

Sobre o autor

Equipe Tupãense Notícias

Equipe Tupãense Notícias

O portal Tupãense reúne os melhores produtores de conteúdo da região para fornecer a você notícias de alta qualidade.

Mais notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Proibida a reprodução total ou parcial. Para licenciar este conteúdo e reproduzi-lo entre em contato com nossa equipe comercial.