Diminua os carboidratos e tenha menos fome

O que é e como funciona a Dieta Cetogênica

Para começar, vamos entender como essa dieta age no organismo:

Alimentos permitidos e proibidos

Para fazer a dieta cetogênica, deve-se eliminar todos os alimentos ricos em carboidratos como pão e arroz, e aumentar principalmente o consumo de alimentos ricos em gorduras, mantendo também uma boa quantidade de proteínas na alimentação. 

Desde que seja acompanhada por um nutricionista, esta dieta pode ser uma alternativa para quem deseja emagrecer, pois o organismo passa a utilizar a própria gordura como fonte de energia ao invés do carboidrato que vem da alimentação. 

Esse tipo de alimentação é indicado principalmente para controlar e prevenir convulsões e crises de epilepsia, no entanto, ela também vem sendo estudada como um coadjuvante no tratamento de câncer, pois as células cancerígenas se alimentam principalmente de carboidrato, que é o nutriente retirado na dieta cetogênica.

É importante que esta dieta seja feita com a supervisão e orientação de um nutricionista, já que é necessário fazer uma avaliação nutricional completa para saber se é possível ou não realizá-la.

Sempre que se consome um alimento industrializado é necessário observar a informação nutricional para verificar se contém carboidratos e qual a quantidade, de forma a não ultrapassar a quantidade que foi calculada para cada dia.

Como funciona

A dieta cetogênica consiste em uma redução drástica de carboidratos na alimentação, que participarão apenas de 10 a 15% das calorias diárias totais.

No entanto, esta quantidade pode variar de acordo com o estado de saúde, tempo de duração da dieta e objetivos de cada pessoa.

Para compensar a redução de carboidratos, deve-se ter um grande aumento no consumo de gorduras, representadas por alimentos como abacate, coco, sementes, creme de leite, azeite, amendoim, castanhas, nozes e amêndoas. 

Além disso, a quantidade de proteína também deve aumentar até constituir cerca de 20% das calorias diárias, sendo necessário comer carne, frango ou peixe no almoço e no jantar, e incluir ovos e queijos nos lanches.

Quando se inicia esta dieta, o organismo passa por um período de adaptação que pode durar desde alguns dias até algumas semanas, no qual o corpo se adapta para produzir energia através da gordura, em vez dos carboidratos.

Assim, é possível que nos primeiros dias surjam sintomas como cansaço excessivo, letargia e dor de cabeça, que acabam por melhorar quando o corpo está adaptado.

Outra dieta semelhante à cetogênica é a dieta low carb, a principal diferença é que na dieta cetogênica se faz uma restrição muito maior de carboidratos.

Dica – Dieta Cetogênica Cíclica

A dieta cetogênica cíclica ajuda a manter um bom seguimento da dieta e uma boa perda de peso, ajudando a fornecer energia para a prática de exercícios físicos.

Neste tipo, deve-se seguir o cardápio da dieta cetogênica por 5 dias consecutivos, que são seguidos por 2 dias em que é permitido consumir alimentos com carboidratos, como pão, arroz e macarrão.

No entanto, alimentos como doces, sorvetes, bolos e outras produtos ricos em açúcares devem continuar fora do cardápio.

Contraindicações

A dieta cetogênica é contraindicada para pessoas com mais de 70 anos, crianças, adolescentes, grávidas e lactantes.

Além de também precisar ser evitada por pessoas com risco aumentado de cetoacidose, como diabéticos tipo 1, diabéticos tipo 2 descontrolados, pessoas com baixo peso ou com histórico de doenças no fígado, rins ou alterações cardiovasculares, como AVC.

Também não é indicado para pessoas com pedra na vesícula ou que estejam fazendo tratamento com medicamentos à base de cortisona.

Para finalizar

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no print
Imprimir

Sobre o autor

Amaury Baião

Amaury Baião

Amaury é professor de educação física formado em licenciatura plena pelas Faculdades ESEFAP. É técnico em musculação pela FEPAM, técnico em treinamento funcional pelo Instituto Mauro Guiselini e desde 2007 é personal trainer. É também coach de corrida para iniciantes e atletas. Se você curte atividades físicas, treinamento, musculação e dicas de alimentação, quer ficar informado sobre as corridas da região e adora um desafio, acompanhe a coluna Papo de Personal onde compartilharemos tudo sobre o mundo fitness. Bora movimentar-se!

Mais notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Últimas notícias

Proibida a reprodução total ou parcial.Para licenciar este conteúdo e reproduzi-lo entre em contato com nossa equipe comercial.